Estudantes participam do revezamento da Tocha Olímpica em Brasília | Notícias de Fato

Estudantes participam do revezamento da Tocha Olímpica em Brasília

Trajeto da Tocha Olímpica por Brasília; evento vai causar alterações no trânsito em cinco regiões (Foto: Agência Brasília/Divulgação)

Trajeto da Tocha Olímpica por Brasília; evento vai causar alterações no trânsito em cinco regiões (Foto: Agência Brasília/Divulgação)

O Brasil já está na contagem regressiva para o início das Olimpíadas. Para espalhar o clima dos jogos, mais de 300 cidades brasileiras receberão a Tocha Olímpica. O circuito de revezamento tem início na Grécia, 100 dias antes da cerimônia de abertura do Rio de Janeiro, em 5 de agosto, no Maracanã. De lá, a chama vai a Brasília, dia 3 de maio, e percorre o país – de norte a sul. A estimativa do Comitê Rio 2016, somando a população de todos os pontos de passagem da tocha, é que 90% dos brasileiros acompanhem a maratona.

Na Capital Federal, a expectativa para o revezamento é ainda maior para a estudante Laura Costa Barreto, 14 anos. Aluna do Colégio Galois, ela representou a instituição na campanha Isso é Ouro, organizada pela Coca-Cola, que recrutou mais de mil condutores com histórias inspiradoras. Para ser selecionada, Laura mandou um vídeo em que apresentou seu esporte favorito, a patinação artística. “Será uma experiência única, incrível. É uma alegria participar da história de um evento tão importante como os Jogos Olímpicos e representar, não só minha cidade, mas o meu país”, conta a estudante.

A seleção dos participantes contou ainda com uma série de gincanas e brincadeiras entre escolas do Distrito Federal. Inspirada no evento olímpico de Atlanta em 1994, nos Estados Unidos, O Galois ficou em primeiro lugar. Como prêmio, a instituição levou um troféu pela participação e R$4 mil em produtos esportivos. Destes, 50% foram doados a uma instituição carente de Brasília. “A participação do Galois mostra que a instituição vai muito além da sala de aula e que se importa com questões sociais, saúde, esporte… incentivando atividades lúdicas e coletivas”, destaca a professora Camilla Osiro, que ao lado do professor Joaquim Neto, foram os mediadores da campanha no Galois.

Leave a Reply

Powered by themekiller.com